“A lua quando brilha, falo de amor no gingado desse xote sinto o teu calor a noite acordado sonho com você iê iê iê o som ligado e fico perturbado sem ter o que fazer