—————————————————- “Erumbekum Berekekê Erumbekum Berekeká Há muitos sóis não te vejo muitas luas não te beijo tantas estrelas queimando nos mares do meu desejo