—————————————————- “Quem quisé vatapá, ô que procure fazê primeiro o fubá depois o dendê